Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

 

A  "outra"


Sonhei que um dia, por encanto dormi, e "Acordei Outra!"

Nem me reconheci! Como havia mudado!

Não parecia mais tão frágil, e sim "Forte e Decidida!"

Não era mais tão transparente! "Estava é bem Dissimulada!"

Capaz de esconder até terceiras (ou mais) intenções!

Maravilha acordar assim, tão diferente!

Que Presente dos deuses! "Eu era Uma Nova Mulher!"

Com outros valores, novas idéias! "Tantas possibilidades..."

"Sabia mentir olhando nos olhos!" Ah, eu traia sem culpa!

Era Livre e Egoísta e fazia do amor uma coisa banal!

Pensei: "Agora sim, vou começar a viver!"

Mil e uma paixões posso colecionar!

Até que enfim! "Acabaram-se as dores e desilusões!"

Mas ao olhar-me no espelho, eu vi uma mulher triste...

Que solitária e perdida, seguia vivendo...

Onde estavam seus amores e suas paixões?

"Os amantes se vão? Então sem AMOR eles não permanecem???"

Sua cama era vazia, como vazio era seu peito...

Sua vida era como um palco, onde ela atuava:

Brincando de ser feliz... Brincava de amar...

Angustiada pela visão daquela "Outra Mulher"

Lembrei de uns amigos (bem poucos, mas sinceros)

Pensei se por acaso, sentiam saudades...

Daquela "outra" a loukinha que chorava á toa.

Que amava "de graça", sem mais nem por que...

Que mal conhecia alguém, já se entregava, e logo dizia:

"Eu Te Quero Bem!!!"

Lembrar Dos Amigos, Me Fez Despertar!

"Fiquei Tão Alegre, (Que Alivio!) Foi Só Um Pesadelo!"

Tomara Que Esse Dia, Jamais Aconteça!!!

Eu Quero Continuar, Sendo "Apenas Eu Mesma"









 

Carinhosa
Enviado por Carinhosa em 25/01/2006
Reeditado em 30/04/2013
Código do texto: T103619
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Carinhosa
Curitiba - Paraná - Brasil
657 textos (164700 leituras)
3 e-livros (397 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 20:31)
Carinhosa