Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Caixa de Sabão

CAIXA DE SABÃO
Magela Arruda
2006


Caixa de sabão
Engradado de madeira
Jogada no quarto
No canto do chão

Foste útil quando acondicionavas sabão.
Hoje jogada às traças,
Só serves para lenha e fogão.

-Tu veres uma antiga caixa de sabão.
-Já vejo um material de pura arte.
Trabalhada, polida e pintada.
Será transformada numa linda peça de arte!

Quanto valia, quanto vale e quanto valerá,
Quando fores transformada em arte!

Melhor ser queimada
Utilizada como lenha para forno e fogão,
Do que ficares encostada.

Não te acomodes!
Não te acomodes, irmão
Levanta-te,cumpre o projeto
Que a ti Deus confiou.

Não fujas de teu dever
De vir a ser.
Promessa que fizeste a tua criança
Que iria acontecer quando um dia crescesses

Segue em frente!

Não abortes tua missão.
Não abortes tua missão.
 
Magela
Enviado por Magela em 04/10/2006
Código do texto: T256173
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Magela
Fortaleza - Ceará - Brasil, 71 anos
24 textos (555 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 10:07)