Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CACUETE

As ruas invadem meu sorriso,
E o paraiso é qualquer loucura sexual.
Tremo da cabeça aos pés
Atravessado pelo frio olhar
De seu revés passional.
Sou piranha sem dono.
Sou vagabundo sem sono.
A noite esconde meu fracasso
De ser urbano
Requerendo seus abraços.
Eu vi a sujeira em baixo do tapete
E chorei.
Caí na besteira de ser seu cacuete
E dancei.
Descobri que só estou certo
Quando estou errado,
E que só te respeitarei
Quando souber desrespeitá-la.
Eu não entendo isso e choro.
Depois volto pra casa
Para crescer nas suas mãos.
 


........................................Pierre Palmare
Pierre Palmare
Enviado por Pierre Palmare em 17/10/2005
Reeditado em 22/10/2005
Código do texto: T60608
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Pierre Palmare
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
16 textos (2771 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 18:42)