Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ODE

É CEDO O DIA ESTA CLARO
O CEU NUBLADO E CARREGADO
DESPEJA SUA FURIA PELOS ANOS
ESPERO SUA RESPOTA HA TEMPOS
NAO SINTA PENA DE MIM
APENAS ME AME QUERIDA
E O SONHO SERÁ ÚNICO

CARREGUE SEU MEDO DAQUI
ESMAGUE MINHAS DÚVIDAS
SOPRE NO MEU OUVIDO,BABY
BEIJE MINHA ALMA

OLHEM ONDE JOGARAM A GENTE
NUMA IMENSIDAO DE DOR ROMANA
AGORA QUEREM NOSSA CABEÇA
NOSSA ALMA,NOSSO SER...

MAS NUNCA VAO ME PEGAR
TEMPOS ATRAZ PRENDERAM
O CARA ERRADO..HAHAHA
ESTOU A SOLTA
PROLIFERANDO MEU ODIO
   
  VOCE ME DESEJA E NEGA ISSO

 ONDE ESTA O POETA
             SUMIRAM COM A DOR
 
 AS FOLHAS-ALFACE ESTAO PRETAS
    AS BORDAS ESTAO SECAS...

E A GAIVOTA ACESA


p
o
e
tamaldito
POETA MALDITO
Enviado por POETA MALDITO em 08/11/2005
Reeditado em 09/11/2005
Código do texto: T68827
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
POETA MALDITO
São Paulo - São Paulo - Brasil, 32 anos
23 textos (1491 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 12:18)