Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Do outro lado

Aqui se vê a vida
Além do que se pode ver
Se vê a vida
Além do que se pode ter
Se vê a vida
Além das profundezas do universo
Além do limite das estrelas
Além do limite dos planetas
Onde a vida não existe sem a morte
Nem a morte sem a vida

Um mundo de tudo e de todos
Um mundo onde um ser não deixa de existir
Nem a existência deixa de ser um ser
Pois o que seria do bem se o mal não existisse?
E o que seria do mal se não existisse o bem?

São poucos que aí vê
O que agente vê
Dois, talvez tres, nesse mundo hostil
Que não sabe o que realmente importa

Um grande mundo
Com um pequeno povo
Que não vê
O que agente vê

Aqui se vê a vida
Do lado eterno de tudo
E como você vê seu mundo?

O medo já salvou o homem de muita surpresa
Será que aí já se vê com clareza?
O medo de ser só mais um
Nesse universo da existência
Pode leva-los
Hó! grande sapiência
Á sua propria destruição
Como ser e existência
Marcel Crasto
Enviado por Marcel Crasto em 28/12/2005
Código do texto: T91480
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marcel Crasto
Paulista - Pernambuco - Brasil, 28 anos
1 textos (63 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 22:23)
Marcel Crasto