Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O Iluminado

Cresce a minha alma
eu sinto, eu posso senti-la crescer
e a medida que cresce, não é somente uma alma
é todo um ser, é toda uma vontade, é todo um prazer
Tudo está crescendo, e este crescimento deturpa a paisagem,
porque cresce para todos os lados,
ele me parece pretensioso a ponto de querer compreender / toda a dimensão do tempo e espaço.
Ele me parece insano,
mas, ao mesmo tempo, me parece ser em si, a própria razão...

Como explicar um sentimento desta natureza?
é como se antes fosse uma pedra
e de repente ganhasse vida,
e de repente ganhasse sentidos

Antes, nada sentia:
nem o sol e seu calor
nem o vento e seu aroma
nem as formas e suas cores

Sinto que estou nascendo
mas é um nascimento diferente
É um nascimento em que já se nasce grande

É como se não existisse
e de repente passasse a existir
é como se acordasse de um sono perpétuo
e ao abrir os olhos se visse no meio do paraíso.


(Coleção Primeiros Momentos)
Heli de Abreu
Enviado por Heli de Abreu em 14/02/2006
Reeditado em 07/05/2006
Código do texto: T111560
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Heli de Abreu
Itapecerica da Serra - São Paulo - Brasil, 36 anos
43 textos (5347 leituras)
1 e-livros (64 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 13:49)
Heli de Abreu