Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ao Pai Eterno

Creio eu
ser o ''ser'',
fruto do mistério,
fruto do critério,
fruto do etéreo!

Também creio
ser o ''ser'',
matéria,
miséria,
bactéria,
poeira etérea!

Ser o ser,
ou não ser,
sábio,
hábil,
frágil,
hostil,
viril!

Trás ao ser
-poder-
nascer...,
viver...,
morrer!

Enfim, creio ter o ser,
berço eterno,
p'ralma perene,
no Paterno
Pai Eterno!
marinho
Enviado por marinho em 09/08/2005
Código do texto: T41473
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
marinho
Descalvado - São Paulo - Brasil, 67 anos
146 textos (78698 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 18:40)
marinho