Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sublime Brado

Ao negro lume da noite densa
cansaste de bradar sem resposta,
e agora tua cabeça se encosta
numa dura estrela fria e imensa.

Subiste tão longe ao abandonares
tuas mais terrenas dores;
enche-te, agora, de fulgores,
até não mais suportares.

Excede, criança, excede tanto
que não haja outro encanto
se não tua voz poderosa.

Ecoando pelos corredores,
ou de bestas ou de flores,
fica tua voz esplendorosa.
titiao
Enviado por titiao em 21/09/2005
Código do texto: T52391
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
titiao
Chapecó - Santa Catarina - Brasil, 30 anos
27 textos (1701 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 02:29)
titiao