Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Signos

Posso falar dos seus signos?
Que por aí encontrei?
Misteriosos desígnios
Se acertei ou errei?

Encontrei Arianas
das mais despachadas
com raro talento
pra entrar em roubadas...

Encontrei Taurinas
Legais, mas cismadas
Ansiosas por verem
As mãos aneladas.

Achei Geminianas, me senti um rei
Velozes, sacanas, bom papo, espertas
Tão parecidas comigo eu achei:
As coisas não podiam estar muito certas

Cancerianas, pouco encontrei
Reclamaram da vida e quase chorei
Fizeram carinho e quase me entreguei.
Fizeram um drama e me desvencilhei

Leoninas, encontrei demais
Sol que brilha, ciúme voraz
Leoas, maravilhosos animais
Mulheres, de sentimento tenaz

Virginianas me confundiram
Querem que o mundo faça sentido
Me interrogaram, me inquiriram
Me exigiram, e saí fugido.

Librianas, soltas demais
Voando pelo mundo, sem eu ver
De onde tu vens, pra onde tu vais
Sem me dar chance de te conhecer

Uma injustiça com as Escorpianas
Mulheres de amor, calorosas, humanas
Acusam de ser agressivas (não são)
São intensas, são vapor, são vulcão.

Sagitarianas, aventureiras
Não se prendem por pouco não...
Molecas, safadas, faceiras...
Mas acreditam até em ilusão.

E o Capricórnio, enquanto mulher?
Uma força da natureza, faz tudo que quer.
Não percebe que é de ouro da cabeça ao pé.
Que seu mundo por dentro, mais doce ele é.

Aquário, fascina e enlouquece
Afasta, mas também aquece...
Se lembra, também se esquece.
Um dia some, depois, aparece.

Peixes? padrão não existe
A todos conhece, mas enrola...
É sensível, mas não insiste.
Se cismar que não, não rola.
Odemilson Louzada Junior
Enviado por Odemilson Louzada Junior em 27/09/2005
Código do texto: T54145
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Odemilson Louzada Junior
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil, 42 anos
299 textos (13660 leituras)
1 áudios (33 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 18:06)
Odemilson Louzada Junior