Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Juntos, eternamente...

Aguardo pacientemente sua chegada.
Pois sei que a qualquer momento virá.
Linda e deslumbrante como sempre...
A arrebatar-me sorrateira e me amar!

Espero simplesmente que me queira,
Assim como a Vida, inteira me quis.
E, como és fruto dessa vida rotineira,
Um dia há tu de me fazer feliz!

Alguns diriam que sou louco!
Mas seria loucura não notar-te?
Para muitos,
És o medo permanente e incessante.
Mas fascínio indelével de alguns poucos.

Sei que agora falta pouco...
E aguardo.
Te amarei até que chegues
E a odiarei por todo sempre.
Onde, juntos, eternamente,
Tu serás a Dona Morte
E eu mais um indigente!
Carlos Borges
Enviado por Carlos Borges em 03/09/2007
Código do texto: T636939

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Carlos Borges
Pindamonhangaba - São Paulo - Brasil, 49 anos
18 textos (812 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 15:29)