Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Esperança

Muda e triste a solidão
Às cegas e sem noção
Cambaleia na escuridão
A quase um palmo do chão

Tomba surda e sem clarão
Sem rumo nem direção
Andando na contramão
À procura de proteção

Dilacerado o coração
Fortuito como um ladrão
Fugindo da multidão
Trôpego e sem visão

Mas num instante de luz
Como estrela que conduz
Vê-se diante à esperança
Formando-se uma aliança

Renovando seus apelos
Vida nova a seus anseios
Confiante e radiante
Surge um brilho diamante
Doralice Menezes
Enviado por Doralice Menezes em 08/10/2007
Código do texto: T685139

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autoria de Doralice Menezes). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Doralice Menezes
Anchieta - Espírito Santo - Brasil, 51 anos
74 textos (4779 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 17:54)
Doralice Menezes