Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Aquário do Ser

Mendigos,
sem querer atores
dos palcos de descasos e misérias
Escravos da autoria da ambição
Filhos do desinteresse
Bandeira de aproveitadores
com planos e enganos que não saem do papel

Pobres,
figurantes do cotidiano
que tem a vida podada a gosto de porcarias
Com sentimentos abafados
vivendo num refrão de faltas e lágrimas
Objetos de uso de desejos de poderosos camuflados

Vida,
asilo de condenados
Cena armada de curiosidades
que impõe receios e medos o bem e o mal
Luzes não refletem no túnel do refúgio
e escravos de fantasmas vivem
no presente o mesmo que foi no passado

Vida... Pena a ser cumprida
Prólogo de almas endividadas e torpes
a caminho do fim
com a morte desde o inicio
já pré-programada...
Orlando Miranda
Enviado por Orlando Miranda em 11/02/2006
Reeditado em 11/02/2006
Código do texto: T110567
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Orlando Miranda
São Paulo - São Paulo - Brasil
58 textos (3303 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 18:32)
Orlando Miranda