Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VOCÊ, AMOR QUE CHEGOU

Evaldo da Veiga




Você, amor lindo que não busquei,

Você, amor que chegou...

Fique bastante, tá?

Esperei tanto!

Mirava em uma ausência indefinida,

tão ausente que doía,

tornando triste minha canção.

Se soubesses da dor da desesperança,

dos momentos de descrença,

quando seu vulto imaginário quase sumia,

você se materializaria de vez...

E a sorrir,

cairia em meus braços...

Se soubesses

da dor de esperar tanto, dos soluços e dos prantos,

você ficaria pra sempre.

E juntos, caminharemos dois em um,

no mistério da integração,

até chegarmos ao fim do mundo,

ou ao fim de nós mesmo,

mas sempre juntos,

SEMPRE, VEM...

........x..........x..........

PS: temos que adorar o carinho, o amor e a paz; 
fora dessa adoração não há vida, tudo fica triste, 
e a vida não se faz presente, não satisfaz;
 o desencanto toma posse e a alegria nunca mais!

Mas, não há razão para caminhar triste!
Caminhe com o carinho, com o amor, e com a paz.

evaldodaveiga@yahoo.com.br

*.*.*



Evaldo da Veiga
Enviado por Evaldo da Veiga em 16/02/2006
Reeditado em 22/10/2006
Código do texto: T112446

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Evaldo da Veiga
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil, 73 anos
952 textos (313599 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 16:42)
Evaldo da Veiga