Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vida: emaranhado de sensações

Semana passada senti saudade. Essa semana tô sentindo tristeza. Sei lá, acho que os seres humanos em si nunca estão contentes com nada. Um professor meu disse há pouco tempo q as pessoas são insensatas, sempre querem algo e quando conseguem passam a querer mais e mais. Às vezes acho q sou assim, mas não sei dizer se é vontade de crescer ou uma gula incessante que não pára de me torturar dizendo EU QUERO, EU QUERO , EU QUERO. Porque é mais ou menos assim, nós sempre queremos alguma coisa. E essa coisa, quando alcançada, vira só mais uma vitória, cujo sabor dura muito pouco tempo, uma vez que já faz parte da nossa vida, nós simplesmente esquecemos como foi difícil conseguí-la. Mas quando não conseguimos, culpamos o mundo inteiro, dos vizinhos até as pessoas mais importantes de nossas vidas.

Sinceramente, nunca entendi em que consiste a vida. A gente estuda, trabalha e zoa. Mas para quê? O que é estar aqui todos os dias lutando pra conseguir vitórias ou caprichos? De que vale as horas de sofrimento, alegria e reflexão?

O mais engraçado é que a gente ri, chora, xinga e bebe sem se lembrar que um dia nós simplesmente não estaremos mais aqui, não veremos mais nossos amigos, não teremos mais nossos amores, e todo aquele esforço que fizemos para conseguir algo aqui, aqui mesmo ficará.

Uns falam que a vida é bonita. Outros, que ela é preciosa. E outros ainda, que é difícil. E eu, digo somente que simplesmente não sei o que se passa...
Angélica Nicolosi
Enviado por Angélica Nicolosi em 15/04/2006
Reeditado em 19/04/2006
Código do texto: T139342
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Angélica Nicolosi
São Paulo - São Paulo - Brasil, 36 anos
25 textos (1724 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 22:21)
Angélica Nicolosi