Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

" OUÇO-TE AMOR, SEMPRE"

Evaldo da Veiga


Estou ligadinho, ouço tudo de você,
o mais ínfimo barulhinho...
Te ouço em meus momentos acordado,
 e até quando estou dormindo...
Porque habitais em mim, em meu tempo integral.
Te ouço até quando estou orando, 
porque digo a Deus, nada mais  e nada menos 
o quanto é lindo o meu amor por você.
E Deus, todos sabemos, ama ouvir história 
de verdadeiro amor, histórias que conto de você.
Ah, como é bom curtir a existência de fatos lindos,
e por lógico, Deus quer mais é ouvir...
Pergunta naquela curiosidade que tem nele a origem e dele herdamos:
- vai dizer um tanto mais, agora, ou deixou pra depois...
Falo, falo, falo... sem me cansar ou cansar meu interlocutor,
nosso Deus, Deus do nosso amor!...
É bom dizer e divino ouvir. Digo de você, ouço você,
amando nossa sintonia que sabemos da onde veio,
de um lindo momento, que tem se repetido,
e que buscamos eternizar... 
Em nossa profana e sagrada história de amor. 

www.recantodasletras.com.br/autores/evaldodaveiga

evaldo.veiga@gmail.com
Evaldo da Veiga
Enviado por Evaldo da Veiga em 22/05/2006
Reeditado em 11/05/2007
Código do texto: T160566

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Evaldo da Veiga
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil, 73 anos
952 textos (313617 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 01:33)
Evaldo da Veiga