Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NÃO SE ENTREGUE


   Vi a tristeza pela janela de seus olhos
   Uma dor, uma ausência , uma saudade.
   Vi a sua alma na penumbra, solitária
   Contrastanto com as luzes da cidade.

   Na ausência do calor de seu sorriso,
   Nas suas retinas  mirando o infinito.
   Nas portas entreabertas de sua alma
   Quase percebi um mudo grito.

   O triunfo na odisséia de viver
   consiste em persistir um pouco ainda.
   Uma Diva de sua esp~ecie é coisa rara
   Não desista, pois a vida não é finda.

   Se o Sol hoje se esconde entre as nuvens da trsiteza
   se as lágrimas te impedem de contemplar a imensidão.
   Não se entregue, não desista, solte o grito da garganta
   Tudo é possível ao que crê, basta ter opinião.
Fernando Davila
Enviado por Fernando Davila em 26/05/2006
Código do texto: T163254
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fernando Davila
Cuiabá - Mato Grosso - Brasil, 48 anos
10 textos (382 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 12:00)