Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

                         Bendito Fruto

                                      Rosa Pena
                                        para Antonio Pena


Salve meu rei cheio de graça. Abençoado entre os varões egoístas e distraídos, entre os machistas medíocres e babacas. Fruto dos meus sonhos, dono do brilho que me ilumina toda e que, sem você, certamente não brotaria nem no verão. Ah!Contigo é sol e a colheita é farta em qualquer estação. Sagrado seja seu jeito de menino arteiro pedindo bala antes da refeição. Santificado seja seu olhar malicioso, seu desejo desenfreado de estar sempre ao meu lado. Bendigo seu corpo sobre o meu, maldigo a ausência dele. Louvo a Deus cada beijo roubado. Salve-salve o dia em que me fiz sua rainha.Bendita sou! A escolhida para ter um homem que depois do gozo, no sublime repouso, me consagrada virgem e comunga comigo a hóstia do amor.

Amém!
Rosa Pena
Enviado por Rosa Pena em 30/05/2006
Reeditado em 05/06/2014
Código do texto: T165808
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Rosa Pena
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
960 textos (1417554 leituras)
48 áudios (24767 audições)
33 e-livros (29000 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 10:31)
Rosa Pena

Site do Escritor