Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AMAR, O QUE É O AMOR?

O amor parece algo complexo, no entanto, a verdadeira essência desse sentimento vem da simplicidade.
A J. Heschel escreveu que "o amor era fonte de alegria para os trovadores e suas damas. Seus mandamentos e eficiências eram a lei suprema da vida. O amor estava a serviço dos cavalheiros; era lealdade e devoção. Era o mais nobre Dom humano. Era, além disso, fonte de perfeição e inspiração de atos sublimes (...)"
O amor jamais é cego, mas cativo! Ele preenche e invade todos os cantos do nosso corpo com uma emoção trêmula, pálida e sincera... É um sentimento supremo, que está acima de qualquer outro!
O amor é, na realidade, a força mais importante que contribui para o bem estar do indivíduo. Impelidos por seu poder motivador, somos capazes de continuar avançando apesar dos momentos de grande amargura, suportando insultos e crueldades. (PELT, 2003)
Quando duas pessoas se apaixonam, a vida toma um maior sentido e substância, o seu redor cintila com a pureza do novo, exatamente como quando eram crianças: as coisas tomam uma forma mais viva, pura e bela!
"Tudo o que se faz com amor adquire formosura e se engrandece" Lovis Évely
Numa carta de Sofhia Peabody a Nathaniel Hawthoerne (1839), ela escreveu assim: "... Minha definição de Beleza é que ela é amor, e, portanto, nela estão contidas a verdade e o bem. Mas só aqueles que amam como nós nos amamos podem sentir a significância e a força disso (...)"
"Mostrar os sentimentos não é sinal de fraqueza, é sinal de força interior."
"O amor não consiste em olhar um para o outro, mas, sim, em olhar juntos para a mesma direção" Antoine de Saint –Exupéry
No auge do relacionamento amoroso, essas sensações boas e intensas irradiam para fora, e as pessoas sentem-se mais amorosas e tolerantes com todos. Algumas são até abençoadas com uma consciência espiritual elevada, uma sensação de unidade interna e de estarem ligadas à natureza, que, talvez, não experimentem desde a infância. Por um breve tempo, vêem o mundo não através da lente trincada de seu estado dividido, mas através da lente lisa e polida de sua natureza original. O amor é a flor da alma! Amar é transmitir vida ao coração.
"A pessoa para ser amada, deve ser amável e deve amar" Benjamim Franklin
Amar é pensar em alguém em todo seu valor e a sua profundidade. É aceitar o ser em si, pondo de lados diferenças e defeitos, porque amar não é admirar somente o que se pode tocar (o amor está além do palpável). Amar é admirar todo aquele conjunto de idéias e sentimentos que habita do lado de dentro, onde só se pode alcançar com gestos e palavras.
"Em nosso relacionamento diário com os outros, precisamos nos lembrar de que ninguém é perfeito. Todos possuímos traços indesejáveis, bem como pontos fortes. Quando nos demoramos no que há de bom nas pessoas, construímos não só o que é positivo dentro delas, mas o que há de bom em nós mesmos." Alf Lohne
Amar vai além do perdoar em meio ao desprezo e humilhação ("perdoar é libertar-se", Inácio Larrañaga). É mais que a existência de um coração voluntário. Está no resultado de uma vida... O amor transforma! E Deus é o doador liberal deste amor.
Por amor, Cristo deu Sua vida pelo ser humano, para que este pudesse dedicar sua vida a esse mesmo amor. Jesus sofreu, viveu e morreu para mostrar-nos Seu próprio amor e o amor do Pai. "Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu Seu filho unigênito, para que todo aquele que nEle crê não pereça, mas tenha a vida eterna." S. João 3:16 O amor é sentir, é confiar, é superar nossas hostilidades, é comunhão, é confissão, é dar, é dar-se a si mesmo, é aceitar, é imitar o Deus Todo-Poderoso que nunca deixa de atuar em favor dos demais.
Como observou Dante: "É o amor que faz girar o universo, e quando falhamos em usá-lo corretamente, todas as criaturas sofrem."
"O amor é paciente e bondoso ("a bondade consiste em estimular e amar as pessoas mais do que merecem", Joseph Joubert). O amor não é ciúmento ("O ciumento não ama o outro, ama a si próprio", La Rochefoucauld) nem orgulhoso, nem vaidoso. Não é grosseiro, nem egoísta. Não se irrita, nem fica magoado. O amor não se alegra com o mal dos outros, e sim com a verdade. O amor nunca desanima, mas suporta tudo com fé, esperança e paciência." I Coríntios 13:4-7
"O amor tem tempo para ouvir, a sabedoria para falar e a paciência para agir" W. Schnneeberger
"O amor tem a cabeça no céu e os pés na terra. Está sujeito ao tempo por força de sua condição temporal, mas está acima dele pela elevação de sua dignidade essencial."
"Não basta amar os outros, é preciso que eles percebam."
O verdadeiro amor é sempre responsável. E a maior prova de amor consistirá em evitar todo tipo de angústia para a pessoa amada. (VELOSO, 1987) O amor expressa respeito e afeto.
"Aquilo que escolhemos é aquilo que somos; aquilo que amamos é aquilo que seremos" T. T. faichney
Amar é abnegar a si mesmo em função da, ou pela, felicidade do outro, pois esse amor verdadeiro dá alegria mas se alcança com o sofrimento. ("O amor nasce com um sorriso, cresce com um abraço e se fortifica com uma lágrima.") Simplesmente porque amar está acima de qualquer medo, de qualquer conseqüência... O amor rompe barreiras, esquece o que passou e busca um novo amanhã! Ele é capaz de tudo, e "nossa felicidade depende do cultivo do amor." (Ellen White)
"Nós crescemos a proporção e a medida que amamos" Vinet
Amar é tudo. Quem ama não impõe condições, valoriza, se comunica, compreende, apóia, (...), supera as crises, se diverte (é como Ella Wheeler Wilcox menciona em seu poema: É muito fácil ser agradável/ quando a vida transcorre em paz./ Mas o homem de valor é aquele que sorri/ ainda que tudo esteja dando "pra trás".), e, quem ama, se cuida...
Ou seja, o amor genuíno envolve compromisso, é incondicional, esforça-se por suprir as necessidades do outro, nos capacita a amar a nós mesmos, respeita a individualidade e é permanente.
Por fim, o amor assume e se enche de compaixão, e, por mais que ele chore, jamais se deixa apagar, porque o verdadeiro amor foi destinado somente a perdurar...
Ele jamais deixará de existir. Um dia, tudo o que o homem tem em abundância desaparecerá. Tudo o que o homem constrói deixará de existir. A grandeza do homem desvanecer-se-á como se derrete um cubo de gelo sob o sol quente. A potência das grandes nações desaparecerá como desaparecem as sombras na noite escura. Nada humano permanecerá para sempre. Só o amor, que nasce no coração de Deus e se transplanta para dar frutos na vida humana, permanecerá para sempre.
E não haverá mais imoralidade. A angústia deixará de existir. A desconfiança será menos do que uma recordação. A vida do homem perderá seu vazio quando permitir que o verdadeiro, junto com o verdadeiro Deus e a plenitude de Sua verdade revelada, entrem para sempre em sua vida.
O amor é a base de toda moral cristã!
"Abandonem toda a amargura, paixão e raiva. Nada de gritaria e insultos. Nada de sentimentos de ódio. Ao contrário, sejam bons e delicados com os outros. E perdoem uns aos outros, como Deus por meio de Cristo, perdoou vocês." Efésios 4: 17-32
"Nosso coração foi feito para o amor e jamais poderá viver sem amar" Teresa Verzeri
Andressa Le Savoldi
Enviado por Andressa Le Savoldi em 05/07/2006
Código do texto: T188259

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original ("Você deve citar a autoria de Andressa Le Savoldi"). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Andressa Le Savoldi
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 31 anos
53 textos (11438 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 23:03)
Andressa Le Savoldi