Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto



VAMOS  AMOR

Evaldo da Veiga


Está faltando grana e até um tanto de vinho,
mas com tanto carinho,
agente deitado, em pé, rolando e
 se amando, dá pra viver.
E ainda esperança que vai melhorar ;
se a melhora vem, não dá pra recusar.

Tem muito problema artificial,
desse que não existe mas está no canal;
e assim, agente amando curtindo ,
encostando e enroscando...
Goza, fechando o sinal.
Tudo isso bem natural.

Mesmo que digam sempre que não,
agente dizendo sempre que sim,
vamos abrindo o caminho do carinho,
da ternura, Poesia, e uma boa dose de
estar dentro, estar fora,
estar dos lados e estar nos cantinhos.

Não existe "porém" pra dizer uma evasão.
Se queremos é estar fundidos na mesma emoção.
Não é trepar ou destrepar, mas
tudo isso também é  bom.
É ficar juntinho curtinho carinho.
E do mais, sendo Amor, se vive melhor.

O Viver de nós dois juntinhos
nós em nosso caminho..
Eu te olhando e descobrindo sempre,
um pouco além, que chegou agorinha
ou já existia em você
Vamos amor,  vamos indo,
vamos ver, 
vamos fazer...
Fazer amor, Amor!

Evaldo

N - Imagem, Tela do Salvador Dali
Evaldo da Veiga
Enviado por Evaldo da Veiga em 19/07/2006
Reeditado em 02/02/2012
Código do texto: T197242

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Evaldo da Veiga
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil, 73 anos
952 textos (313605 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 06:42)
Evaldo da Veiga