Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

LUA MINGUANTE

Hoje é Lua Minguante, e eu não te toquei de novo
Algumas coisas, longe, não consigo transmitir-te
Não posso falar-te do jeito meu, instintiva e livre

Quero dizer que pensei em sair, não posso esperar-te acabrunhada assim
Pensei em colocar aquele vestido preto que descobri longo demais
Por encobrir o alcance da sua mão, desenhando leve em mim

Preciso falar-te urgente uma frase de amor que, aqui, não posso traduzir
E ainda tem todo esse esforço que faço para não ser seduzida
Pela visão da sua boca, minha também, falando e sorrindo pra outra

Que culpa tenho se, descontente, fico irrefreável e irreprimível?
Se não te tenho, melhoro com alguns copos vazios, não importa
Também ajuda escutar música alta com os olhos apertadinhos

E não se inquiete quando digo que sou irrefreável, pois te amo tanto
E o que só vou fazer mesmo, na noite, é andar por ruas molhadas de chuva
Pra dizer adeus a essa Lua Minguante, que hoje não me trouxe você.
Renata Marques
Enviado por Renata Marques em 20/07/2006
Código do texto: T198308
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Renata Marques
São José dos Campos - São Paulo - Brasil, 36 anos
12 textos (16531 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 18:06)
Renata Marques