Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vossa Exa.

Vossa Exa.

Vossa Exa. os tijolos que foram feitos esta casa saíram amassados da olaria de meus braços e amolecidos com as gotas de meu suor. Vosso Exa. assim como o joão-de-barro cata e trás a cada bicada um pouquinho de argila para fazer sua habitação, eu e a mulher e meus filhinhos trouxemos lá do barranco o barro e o transformamos no nosso abrigo de paz e amor. Vossa Exa. quando no calor do dia aonde o sol chega a cortar a pele e as borboletas procuram à terra molhada, à noite no céu das estrelas procuro entre todas elas meu cantinho de paz à direção, minha casa, meu teto. Vossa Exa., à tarde quando chego do trabalho sento na cadeira na sala e repenso de como é bom depois da obrigação cumprida, o repouso onde aos poucos se achegam meus filhinhos a procura de pão. Neste lugar, Vosso Exa. não temos o luxo das grandes casas das cidades, mas sempre temos uma xícara de café servido com muita afeição. À noite quando os anjos descem para abençoar, junto vêm os querubins trazendo palavras de conforto e paz para mim.

http://www.clesio.net/midis/sugestoes/alemdaeternidade.mid

 


Comendador Carlos Donizeti
Enviado por Comendador Carlos Donizeti em 26/07/2006
Código do texto: T202595
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Comendador Carlos Donizeti
Hortolândia - São Paulo - Brasil, 58 anos
135 textos (4261 leituras)
12 áudios (448 audições)
6 e-livros (568 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 22:43)
Comendador Carlos Donizeti