Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
AMIGOS PARA SEMPRE

Dia desses, ao brir o meu e-mail, deparei com uma visita inusitada. Uma amiga com quem eu houvera me correspondido enquanto jovem, motivado pelo anúncio de seu endereço numa revista, descobriu meu endereço eletrônico no site "recantodasletras" e, daí, ali estava ela a me questionar sobre a lembrança daquelas mal traçadas linhas transportando, sonhos, emoções e sentimentos que iam e vinham através dos correios.

Como esquecê-la, minha amiga? Você era única! Nenhuma outra amiga tinha a sua alegria, a sua ternura, o seu tesão pela vida...

Eu esperava suas cartas, como agricultor espera pelo milagre das chuvas para ver florir a sua plantação, eu esperava suas cartas, como o beija-flor espera o desabrochar de uma  rosa para sugar-lhe o precisoso nectar.

Você não pode saber como foi importante para a minha pobre e ingênua juventude... você não pode saber quanta riqueza suas carta armazenaram no meu coração, riqueza que quanto mais esbanjei mais se acumulou em mim e que hoje coloco à disposição daqueles que alcançam a humildade de se reconhecerem pobres.

Ah, minha doce e terna amiga... quantas vezes fechei os olhos e corri rua abaixo para ir esperá-la na estação da central, vinda de trem de um lugar encantado para passar o dia comigo... nos abraçávamos, eu te mostrava o rio, o coreto, as flores no jardim da praça e te convidava para um sorvete que tomávamos assentados na escadaria da Capelinha do meu bairro... hora de abrir os olhos para não te ver partindo!

Te reencontrar, transformou estes vinte e cinco anos passados no mês anterior. No meu velho baú de relíquias, encontrei a sua fotografia que parece ter chegado ontem.

Enquanto olhava a sua foto, concluí que uma relação sobrevive da intensidade e da pureza do amor que a criou. Se não é amor o que sentimos, qualquer relação é órfã de si mesma e não pode ser como a nossa amizade: Para sempre!
silasol
Enviado por silasol em 29/07/2006
Reeditado em 29/07/2006
Código do texto: T204864

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (CITE O NOME DO AUTOR E LINK PARA A OBRA ORIGINAL). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
silasol
Sabará - Minas Gerais - Brasil, 65 anos
653 textos (73342 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 06:10)
silasol