Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Flores Tristes



***


Pensei naquelas flores que estavam sobre a mesa no dia em que você veio, pela ultima vez.
Por algum motivo, que desconheço,
eu lembro de cada uma delas,
naquele vaso antigo de porcelana.
Estavam como que descansadas e pareciam tristes.
Nunca, antes, flores haviam parecido tão tristes.

Mais tarde, naquele mesmo dia, eu fiquei a olhar para elas e a tristeza, que era minha,
deve ter-se arremetido incondicionalmente para elas.
Eu me lembro que me demorei ali,a olhar para aquelas flores, que tinahm uma cor esmaecida...talvez este o motivo de me parecerem tão tristes e em abandono.

Isso. Estavam abandonadas como eu estava.
Tanto quanto eu, estavam desfrutando dos últimos raios de sol daquele dia e estavam irremediavelmente tristes.

Por isso, mais do que de seus olhos com brilho de adeus, eu me lembro das flores sobre a mesa.
Largadas, azuladas, quase cinzas.
Elas retratavam a mim e a minha dor, naquele final de tarde que ficou como uma névoa de dor. Em mim.


Aglaé*Gil

***

Aglaé Gil
Enviado por Aglaé Gil em 25/08/2006
Código do texto: T225108
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Aglaé Gil
Curitiba - Paraná - Brasil, 56 anos
16 textos (396 leituras)
1 áudios (119 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 12:51)
Aglaé Gil