Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Picadeiro

A música diz que água nos olhos do palhaço molha.
E molha mesmo... encharca, mesmo que a lágrima não role.
Faz aquele rosto feliz, que só os outros vêem, ficar com aquelas ruguinhas na testa e a sensação de ser uma farsa.
Porque quando o palhaço tira a fantasia, ele é um homem e só. Igual a todos os outros, com os medos (talvez até tivesse medo de palhaço na infância) e inseguranças. Com vontade de chorar pela família, pelo dinheiro, amigos e até um amor. Quem vai saber? A pintura esconde tudo.
Talvez ele se sinta como se estivesse dentro de uma cúpula: todos o vêem. Aquela casca protetora faz bem, faz a alegria de uns e a tristeza de outros. É como um escudo que só mostra aos outros aquele sorriso engessado, sem motivo, mas que ilumina alguns dias por aí. E daí se o palhaço chorar? A lona cair, o circo acabar....? Ele te fez rir por aquela noite. O espetáculo foi lindo, e você soltou aquele sorriso sincero. Pra ele bastou...
Fazer sorrir é um trabalho, mas chega a ser quase um dom. Só porque ele consegue, não quer dizer que sorria sempre.
A água nos olhos dele também molha, por mais que ninguém perceba...
Marcela Brunelli
Enviado por Marcela Brunelli em 31/08/2006
Código do texto: T229408
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Marcela Brunelli
São Paulo - São Paulo - Brasil, 30 anos
5 textos (205 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 18:49)
Marcela Brunelli