Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SÃO JORGE VALEI-NOS

VALHA-NOS A PAZ.

Decido o caminho salto
no meio encontro um mundéu
longe visto (assim) do alto
no pó há as pegadas do réu

De perto enxergo outra sorte
guerras sem julgo a fome
PAZ conduzindo à morte
batalha dos covas sem nome.

Da lua São Jorge faz mira
malsinando bafiento dragão
opressor que o futuro atira
no conflito da espoliação.

Paz jovem ainda jaz bela
sem proteção e castiçais
fidalgos e aias da mazela
arrombaram-lhe os seus anais

velho dragão na lua nova
inflamando a terra cheia
em sangue deixando a prova
que a guerra é sua ceia.

mundo de povo minguante
endossante da guerra crescente
que a paz lhes se alevante
das Américas ao Oriente

nova como lua num limpo céu
venha depois da noite esperança
ver derrotado pelo próprio boléu
infame dragão da vingança

revestidas noites de estrelas
armadura contra a maldição
guerras inda vamos vê-las
implorando à paz rendição

Venha S Jorge em seu cavalo
galopando finde todo este mal
devolva ao mundo seu falo
reinseminada seja a paz primordial.

Soaroir Maria de Campos
30/8/2006


(S.Jorge - santo padroeiro da Inglaterra, do amor e da cultura)


Soaroir
Enviado por Soaroir em 03/09/2006
Reeditado em 10/09/2006
Código do texto: T231859
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (©Soaroir Maria de Campos em "link para obra original" - "data de publicação no recanto"). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Soaroir
São Paulo - São Paulo - Brasil
943 textos (54740 leituras)
5 áudios (986 audições)
16 e-livros (5136 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 04:18)
Soaroir