Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Isso que se chama saudade

São muitas as músicas, muitas mesmo, por isso ela parou de ouvir música, porque era condicionada à lembrança remetida por elas (as músicas), e por isso não tinha mais passa-tempos, já que não assistia televisão e no computador seria impossível não colocar Jack Johnson ou Jeff Buckley, decidiu passar o resto do feriado dentro do quarto, mas o quarto tinha as paredes escritas e desenhadas e tinha também colagens e nomes e fadas e fotos e eram todos objetos de lembrança, não tão fortes quanto as músicas, mas eram também, de seu próprio modo. E precisava achar refúgio até segunda feira, quando pegaria o ônibus-lembrança e passaria direto pela rua das palmeiras em direção ao Parque Lage, passaria pela rua da padaria, choraria um pouco e saltaria no próximo ponto, entrando no parque e passando pelas mini-florestas-imaginárias e pelas borboletas-fadas e pelos lepidópteros e lagos e peixes e torres e micos-leões e choraria um pouco mais, tampando o rosto vermelho, molhado e inchado.
E até lá, até lá... Até lá tinha que esperar e esperar tentando não lembrar, tentando não ouvir música, tentando não entrar no quarto, e por isso foi para casa da avó, e como já era de noite, subiu no mirante para tentar esquecer, mas o mirante também era lembrança e seus olhos se encheram de lágrimas, mas não caiu nenhuma, nenhuma, porque ela não queria chorar, não queria lembrar, desceu então e foi assistir um filme, na televisão mesmo, porque o cinema era lembrança quase tão grande quanto as músicas, e viu, viu... Viu Before Sunset, filme repetido, já tinha visto, e nele a música, mais músicas que remetiam a Ele, A Waltz for a night, e choro, mais choro, correu pro banheiro, guinchos esquisitos, cara afogada na pia, rosto molhado refletido no espelho, e foi p'ro telefone, ligou interurbano... Longe, tão longe, disfarçando a voz para parecer natural.
Barbara Coimbra
Enviado por Barbara Coimbra em 09/09/2006
Código do texto: T236378
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Barbara Coimbra
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
21 textos (523 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 13:15)
Barbara Coimbra