Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O tempo passou...

Que saudade dos quinze anos
Hoje que as rugas me tomam percebo
Que o tempo passou...
Não estou velha de alma...
Mas o corpo... não consegui ficar só
E saiu por aí acompanhando o tempo
Foi parceiro fiel dos anos que se passaram
Nem sequer percebeu que os anos sugavam sua juventude
Secavam seus peitos, enrugavam sua pele, encurvavam o conjunto...

Que saudade dos dezoito anos
Hoje que as rugas me tomam
 Percebo que o tempo passou...
Mas ainda sinto o cabelo sedoso
Os mamilos rijos de prazer
A boca molhada a procura de beijos
As pernas bambas de êxtase...

Que saudade dos vinte e cinco...
Hoje que as rugas me tomam
 Percebo que o tempo passou...
Cosigo apesar dos anos ainda sentir
Na boca o gosto dos litros de café
Tomados nas noites de estudo
A aspirina pela manha
Os olhos esbugalhados pela leitura...
Enfim a formatura...

Que saudade dos trinta e cinco
Hoje que as rugas me tomam
 Percebo que o tempo passou...
Ainda consigo ouvir a gritaria das crianças
O tô com fome, o tô dor, o quero colo...
O parecer do doutor, a benzedura da vó.
a família toda cansada
e eu sempre atrasada...

Hoje que as rugas me tomam percebo...
Não foi o tempo que passou
fui em quem passou somente
porque quando eu ficar por aqui
o tempo seguirá em frente...


Vera Lucia Trindade
Enviado por Vera Lucia Trindade em 10/11/2006
Reeditado em 07/02/2007
Código do texto: T287995
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Vera Lucia Trindade
Florianópolis - Santa Catarina - Brasil, 44 anos
11 textos (933 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 02:22)
Vera Lucia Trindade