Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mariane

Há quanto tempo vejo-te?
Tem dias que torna-te irreconhecivel a mim.
Imagens difusas, perdidas como num convexo.
Imagens no vidro, me dizem pouco
Acho estranho me convenço: só isso não sou eu
existe algo mais além
coisas não refletidas

Como me reconhecer num olhar?
paro penso, mergulho fundo
não sei voltar
já não me exergo mais
minha cabeça dói meu corpo cansado não se move
fica parado só ouço
mesmo sem nada o que ouvir ...
Sons, musicas vozes soando estranhamente familiar
desligo... até que tudo se desligue
o tempo passa .... sono ...
sonho, o inexato, as imprecisões
ou talvez não seja exatamente isso
Mas de que me serve a exatidão ?
Bruno Santos
Enviado por Bruno Santos em 21/11/2006
Código do texto: T296919
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Bruno Santos
São José do Rio Preto - São Paulo - Brasil
17 textos (1274 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 06:29)
Bruno Santos