Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Natal de minha infância

 Natal da minha infância

O Natal se repete a cada ano
Na vida da gente
Natal de criança, Natal de adulto
Que vem de repente ressuscitar a infância
E trazer à lembrança
Os natais que aconteciam
Na simplicidade e na alegria
Envoltos na fé e na esperança.
Não havia presentes caros
Às vezes nem presentes
Porque o presente maior
Era a alegria de vestir vestido novo
De ajudar a armar o presépio
Depois sair para visitar
O Menino Jesus
Que nascera há muito tempo
Na cidade de Belém.
Na casa das tias e dos vizinhos
Das amigas da mãe, já nem me lembro...
As visitas eram alegres e divertidas
Porque a infância daquele tempo
Alegrava-se com a simplicidade da vida
A televisão não era ainda
Esse aparelho de vinte e quatro horas
Com mensagens apelativas...
O comércio, mais simples
Não trazia essa parafernália de brinquedos
Que deixam as crianças preguiçosas...
Tudo era modesto, mas tão verdadeiro!
Até o amor dos pais
Que não se externava
Através de brinquedos caros e exóticos
Era mais verdadeiro
E o sentido de Natal
Contagiava toda a família.
É desse Natal que tenho saudade
Porque o Deus Menino é o Deus
Que me acolhe e que invade
Todos os lares dos filhos seus.

Mena
Enviado por Mena em 22/11/2006
Reeditado em 23/11/2015
Código do texto: T298526
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Mena
Brumado - Bahia - Brasil
539 textos (113475 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 01:29)
Mena