Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Seus olhos acesos


 
Parece que sei onde estão  seus
olhos nesse escuro que me cerca, parecem duas lamparinas a guiarem meus
 caminhos na imensidão desse quarto.
Tenho paredes alvas e lençóis muito brancos.
 Tenho meu sorriso pendurado sobre a escrivaninha e um quadro de dedicatórias  lembrando-me de dias e pessoas.
Sobre o móvel permanece as escuras uma televisão, tão sem importância, Cds escolhidos, um caderno sempre aberto e a
uma caneta que sempre me espera sem tampa.
À cabeçeira alguns livros, anotações e lembretes.
Sei de cada coisa e os lugares onde estão, bem como a roupa de desvesti
quando me perdi
nesse espaço que só a mim pertence. Deitada com os olhos perdidos em algum ponto no teto posso sentir os seus olhares cuidando dos meus sonhares, seus olhos
piscando para os meus sussurros, posso sentir as suas mãos acariciando meus cabelos esparramados.
Todas as noites quando seus olhos brilham na penumbra desse meu quarto solitário,
sei que a vida me sorri; me abraço nos
seus braços que me esperam em silêncio
e dou minha vida à você mais uma vez,
porque sei que onde você estiver nesse
exato momento...estará comigo, eu sei
eu posso sentir...
Angélica Teresa Almstadter
Enviado por Angélica Teresa Almstadter em 06/10/2005
Código do texto: T57113

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Angélica Teresa Almstadter
Campinas - São Paulo - Brasil, 62 anos
1054 textos (55636 leituras)
25 áudios (3274 audições)
1 e-livros (247 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 08:10)
Angélica Teresa Almstadter