Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PROFESSOR(A)

PROFESSOR(A)

                                                                                         *José Dias de Oliveira



Neste teu dia, que queres que eu te diga? Que os teus passos sejam tão árduos e cheios de gotas de sangue como a cruz do calvário? Que haja mais perfumes, flores e donzelas banhadas pelo orvalho de Deus? Não.
Lembra-te que o teu caminho é áspero e espinhoso, mas é sublime, suave, meigo e que, na luta do dia-a-dia, forma uma montanha tão alta e imaculada que se ascende aos céus. Tudo indica a perfeição, a pureza e as sementes que semeaste, durante a tua jornada de trabalho, umas caíram em terras férteis e produziram bons frutos; outras caíram em terrenos rochosos e foram carregadas e consumidas pelas aves dos céus; pouquíssimas foram as que caíram entre os espinhos e foram sufocadas.
As sementes que caíram em terras férteis são tantas como as estrelas do céu e brilham mais do que o ouro e o diamante depois de serem lapidados.
As crianças, os jovens e os adultos que, passaram por tuas mãos cálidas e cheias de bênçãos dos céus, receberam sublimes ensinamentos de tua imensa sabedoria para que possam sentir a vida como a verdadeira vida que, através do espírito transbordando nas águas cristalinas da sabedoria, é a principal fonte de amor e carinho.
 Parabéns professor(a), pelo teu dia cheio de aventuras e desventuras, para que tu possas sempre iluminar a todos os teus alunos, quer diretamente, quer indiretamente com tuas palavras imaculadas e cheias de conforto e incentivo, através do teu sorriso de entusiasmo e de encorajamento, demonstrando aos teus alunos um exemplo de fé, sabedoria, amor e otimismo.
Lembra-te que tu abraçaste ao sacerdócio da magistratura, não para ser injuriado(a) e maltratado(a) por alguém que se julga estar com a verdade. Tu foste eleito(a) para acender uma luz radiante e sublime, a fim de que as trevas desapareçam e tu possas cultivar a verdade em todos os momentos da tua vida e a verdade te levará triunfalmente ao progresso que é a justiça e a serenidade no meio social.
Professor(a), desejo-te que este teu dia seja mais feliz que a manhã das flores e que esta página nova da vida que se abriu hoje, seja mais feliz do que a que se fechou ontem.


  *José Dias de Oliveira é professor de Língua Portuguesa na Escola Estadual José Moraes.

Este texto fora Publicado no Jornal O Atribuna de Rondonópolis no dia 15/10/2004 – dia do Professor
José Dias de Oliveira
Enviado por José Dias de Oliveira em 12/10/2005
Código do texto: T59049
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José Dias de Oliveira
Rondonópolis - Mato Grosso - Brasil, 72 anos
10 textos (7103 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 22:38)