Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Aos críticos do amor


     Desculpe-me , não sabia eu que lhe incomodava . Mas mesmo assim continuarei a fazê-lo . Por quê ? Porque minhas palavras não são à você dirigidas . São sim para o amado .
     E se são para o amado , minhas solitárias e indesejáveis palavras continuarão a ser ditas . mesmo que ao mundo incomodem . Mesmo que você, que a meu amor critica , não as queira ver existir .
     Continuarei . Na solidão dessas palavras . Continuarei . Nada importa . Continuarei , apesar de suas críticas . Continuarei . Pois o amor ao amor pelo amado me faz prosa e poesia .
     E sendo prosa sou palavra . E sendo poesia sou amor . Sendo palavra e amor sou o amor da palavra . E com essa palavra  em amor , dirigir-me-ei sempre ao amado .
     Desculpe-me , mais uma vez , não sabia que lhe incomodava . Mas continuarei. Continuarei mesmo assim a fazê-lo . Em minhas  solitárias palavras que caminham , com amor , sempre na direção do amado .


Reginna Sampaio


Reginna Sampaio
Enviado por Reginna Sampaio em 28/08/2007
Reeditado em 28/08/2007
Código do texto: T627471
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Reginna Sampaio
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 45 anos
37 textos (3352 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/08/17 16:50)
Reginna Sampaio