Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SIM, SÓ O AMOR

Evaldo da Veiga

Sim, silenciar por que?
Não há como esconder a dor.
Ainda mais quando a dor
é maior do que nós mesmos.
Dor que o coração
não consegue suportar,
clama por socorro, em silêncio,

Sim, cantar sorrir
não esconde a dor.
Camufla sem alívio da alma.
Vem,
solução em tipo mulher.
Não sei viver sozinho,
não aprendi, não quero.

Vem.
Não posso viver só,
seguir sozinho
em caminho de dois.
Afaste a dor...
Alguém vai consumir-se
A dor ou eu...

A dor ensina
que o remédio é amar.
Ninguém ama sozinho
Em amor de dois
Dependo de ti.
Vem amor.
VEM!

Imagem: Tela do REMBRANDT, Van Rijn

evaldodaveiga@yahoo.com.br


Evaldo da Veiga
Enviado por Evaldo da Veiga em 06/09/2007
Reeditado em 06/09/2007
Código do texto: T640750

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Evaldo da Veiga
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil, 74 anos
952 textos (314114 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 07:20)
Evaldo da Veiga