Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

eu sou aquela que foi...

sem saber bem a estrada, com a cara e a coragem, com lágrimas, com dor, sem piedade. aquela que nunca conseguiu calar o bater de um coração aflito, cheio de dúvidas, cheio de lacunas. sou aquela que deixa este rastro de sofrimento, de marcas, de arrependimentos. sou aquela que carregava sonhos coloridos, mas que optou pela estrada em preto e branco. sou aquela que ninguém consegue explicar, aquela que tem sempre algo para falar, mas que quando a resposta é calar consegue dar ouvido somente ao próprio devaneio. sou aquela que chora sem cessar, sou uma qualquer. sim, fui... mas onde vou parar?
Maíra Ribeiro
Enviado por Maíra Ribeiro em 09/10/2007
Código do texto: T686634
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maíra Ribeiro
Itália, 36 anos
31 textos (5310 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 21:35)
Maíra Ribeiro