Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ESTRELA CADENTE

ESTRELA CADENTE

Estrelinha brilhante,
Que enfeitas o Céu
Linda, fulgurante,
Nesta noite de breu.

Do infinito, onde brilhas,
Diz-me se viste
A minha estrela,
Estrela cadente;
Perdida no tempo;
No tempo que é meu.
É meu esse tempo
Esse tempo que não tenho,
Não tenho, quero ter.
Vem tempo que és meu
Vem tempo p'ra meu ser.

celeste palma
Enviado por celeste palma em 01/11/2007
Reeditado em 08/11/2007
Código do texto: T719066

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
celeste palma
Portugal, 69 anos
36 textos (3968 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 07:07)
celeste palma