Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SIMPLESMENTE...

  É preciso acabar com este desprezo,ou com este equívoco:os burros,não são burros!...Olhem dentro dos olhos deles,podem ser teimosos e às vezes maus,mas os ho-
 mens,muitas vezes também,não são bons...
  A melhor defesa que se tem contra os burros,é o amor que
 lhes tem tido os poetas.Os animais das fábulas são homens disfarçados de bichos(La Fontaine).
  Gosto dos burros.Principalmente,daqueles que andam na du-
 ra lida,sobre as pedras das ruas,sobre o barro das estradas ao sol,à chuva;dia e noite.Tristes,mas sem nenhuma queixa! Que humildade! Que paciência! Que cora-
 gem! Pensam para dentro.Não procuram impor a sua vontade,
 a sua "opinião". Obedecem. Zurram.
  Se foram à guerra,foram levados. Combateram os filisteus.
  UM burro assistiu ao nascimento de Jesus!Um burro levou
 Jesus para a entrada festiva em Jerusalém!
  Não é fácil julgar criaturas com tamanha discrição.
  Há quem os ache ridículos,mas há também pessoas que os
 achem "sublimes".São bonitos ou feios de acordo com as opiniões de cada um.
  Já existe tantas críticas neste mundo!
  Para que então,criticar os burros?!
  Talvez em seu mundo interior,conservem a alegria de sua infância,e inocência, deterioradas pelo sofrimento!
   Quanto ao coice... quem nunca deu um coice,que atire
  nos burros,a primeira pedra!
 
 
Maristela
Enviado por Maristela em 29/11/2006
Reeditado em 11/04/2013
Código do texto: T304628
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maristela
Cambuci - Rio de Janeiro - Brasil
1239 textos (217128 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 00:44)
Maristela