Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TINTAS



Sentinela, passa a retarda
Pintada na brisa da noite
Nobre caminha a imagem
O verde se espalha na palha

A sobra é um pouco de fogo nos ombros da arte
A cor é isenta... tamanho fechado
No corte fechado retalha um parto
Ela voltou, serena a correr grandes esperanças

Retruca um pasmoNoticias de enterro
Eu vou amanhã matar a lembrança de um dia esperado
Pinta no tardo perdido de espera, cansado de esferas

No asno de imagens que o sol deturpou
As folhas passeiam chafariz se enleitam
Tâmaras secas, desfrutam meu ar
Arcos no céu de um teto em veredas na alma de amores.



PANDORA AEDO
Enviado por PANDORA AEDO em 08/05/2006
Código do texto: T152622
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
PANDORA AEDO
Tangará da Serra - Mato Grosso - Brasil, 33 anos
30 textos (2536 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 13:06)
PANDORA AEDO