Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Versus eu mesmo

Risca, rabisca, ri de mim, grafite!
Mas faz isso enquanto tens direito!
Enquanto não consigo dar um jeito
Nessa horrorosa sentimentalite ...

Não é simples falta de inspirãção,
Dessas que passam ao olhar o céu...
Nada que eu penso vai para o papel,
em síntese, escrever hoje é em vão...

Mas ao falar sobre o não escrever
Construo um paradoxo sem querer,
Faço uso da função metalinguística!

Onde palavras falam sem eu ver
Sobre o papel que querem exercer
Numa poesia sem mágica ou mística.


Breve comentário: Não vou debutar por aqui com meu melhor, mas com um texto que eu gosto muito... Espero q entendam e gostem.
Joanes
Enviado por Joanes em 23/05/2006
Código do texto: T161243
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Joanes
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
2 textos (21 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 00:25)