Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Eu, uma sátira de mim!

Dêem-me uma chance -só mais uma-
de provar minha mediocridade
e provarei sem dó, nem piedade,
porque "Medíocre" é minha alcunha.

Dêem-me uma chance -só mais uma-
de comprovar o quanto sou mesquinho
e provarei com o maior carinho
como se cata um piolho à unha.

Mesmo que seja a chance derradeira
lhes mostrarei por que a vida inteira
eu tropecei no meu próprio fracasso.

Dêem-me uma chance -só mais uma-
pois o piolho que cato na unha
se apropria de tudo que faço.

Herculano Alencar
Enviado por Herculano Alencar em 11/06/2006
Reeditado em 11/06/2006
Código do texto: T173327
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Herculano Alencar
São Paulo - São Paulo - Brasil, 62 anos
1335 textos (57885 leituras)
5 áudios (264 audições)
13 e-livros (3212 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 06:24)
Herculano Alencar

Site do Escritor