Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Medos

Sem saber os por quês
parti sozinho e alcei vôo.
O alívio tornou-se enjôo
e os medos surgiram de vez.

    Dei vazão apoiado na poesia
    para descrever meus sentimentos,
    mas nela as coisas as quais dizia
    também me metiam medo.

As palavras ficam bloqueadas
e meu sentir não é descrito
da forma exata como reflito.

    Minha vida e alma são condenadas
    e eu mesmo não sou aceito por mim
    se não encarar meus medos, enfim.

Zan
Jundiaí, 10 de maio de 2006, às 14h10min
Zan
Enviado por Zan em 07/07/2006
Código do texto: T189163
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Zan
São Paulo - São Paulo - Brasil, 44 anos
20 textos (789 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 13:06)