Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Soneto para um poeta

Porque te segredo que és poeta
Do corpo, da alma, da estrela minha
Que brilha o sorriso que de belo és
De imperfeições que tu nem mesmo tinhas!

Sentimento de nirvana senti em teus braços
E te conto da carne, de tanto desejo...
Que se cantar não possa ainda o canto
Ainda guardo no sonho o sonho do beijo!

E fui eu, inicial amante, corar de vergonha
E em meus olhos tão doce pesar se lia
E ainda mais que se abraços me ponha...

É de sorrir que te segredo que te sorria
Porque foram tão doces teus doces beijos
Tão bela tua mais que bela beleza de poesia!

dhália
Enviado por dhália em 16/08/2006
Código do texto: T218214
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
dhália
Salvador - Bahia - Brasil
238 textos (5113 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 00:46)
dhália