Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Perdeu-se a nau…


Ao mar alto a sua nau ruma;
Arde no seu peito a ver partir…
Já aos poucos, perde-se na bruma…
Vai louca… pois ele a vê sorrir.

Enfrenta tempestades mentindo,
as suas velas já esfarrapadas…
Novas águas, ela vai abrindo…
Velha… mas quer novas caminhadas.

Perdeu o encanto e novidade,
a pobre nau, que tanto sonhou…
Perdeu o seu homem na maldade.

Uma outra nau para si tomou,
velas lindas, que são realidade…
Tanta milhas… por si, viajou…

António Zumaia
Enviado por António Zumaia em 29/08/2006
Código do texto: T227746
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
António Zumaia
Portugal
320 textos (20399 leituras)
71 áudios (5404 audições)
5 e-livros (1754 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 08:58)
António Zumaia