Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MEU CANTO

o meu canto é a expressão de um lamento
a melodia de um pequeno rouxinol
é um morrer nas manhãs - um arrebol
a tablatura do meu canto é o tormento.

é uma nau solitária em alto mar
é o silencio e a paz de um pôr-do-sol
e sempre nasce na tristeza de um bemol
é pura dor, na minh'alma o meu cantar.

isso é assim, e será por toda vida
deixaram-me uma angústia esquecida
no peito, um punhal todo encravado...

oh, alma abatida vê se te alegra!
vê se ilude a dor que em ti se encerra
não morras antes do dia chegado.
Carlos Medeiros
Enviado por Carlos Medeiros em 05/09/2006
Reeditado em 30/12/2007
Código do texto: T233279

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Caco Passarinho http://www.recantodasletras.com.br/autores/cacopassarinho). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Carlos Medeiros
Aracati - Ceará - Brasil, 56 anos
45 textos (5257 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 07:19)
Carlos Medeiros