Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Duas vidas, dois amores

Ninguém é capaz de me amar
e na ânsia...perco-me sozinha
Dois amores que eu tive que provar
Duas vidas que eu quis unir à minha.

A primeira incompleta, só espírito
Que me elevou ao ápice do sonho
A segunda amor empírico
Que a ele nada imponho.

Ao primeiro dediquei meu amor
E o trouxe de volta para mim
Entregando-o a outra dor.

Esta segunda dor foi mais forte
Pois não previ um fim
e fui sangrada por grave corte.
Nísia Maria de Souza
Enviado por Nísia Maria de Souza em 10/09/2006
Código do texto: T236793
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Nísia Maria de Souza
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 56 anos
197 textos (3142 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 11:53)
Nísia Maria de Souza