Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Fundição

Coração desnorteado,
existe um igual ao meu?
tem em si rancor guardado,
e Paixão que não morreu,

Cria dúbio sentimento,
amor e ódio num tufão,
gira, gira, o meu Tormento,
rastro de destruição,

Sanidade inexistente,
sobra nódoa de choro,
feito o orvalho da manhã,

Mulher-menina inocente,
do meu pensar és estorvo,
e do sofrer és artesã.
Sapo
Enviado por Sapo em 15/09/2006
Código do texto: T240881
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sapo
Belém - Pará - Brasil, 27 anos
22 textos (352 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 10:44)