Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Luz

Quando estou na solidão
basta olhar pras meninas,
vejo uma luz que ilumina
e invade o meu coração.

É um bálsamo que alivia.
Um feixe de esperança!
Não me sai da lembrança
ter de volta a alegria.

Luz, que vem do teu sexo,
pode ser algo sem nexo,
mas tem sentido pra mim.

Tão bela luz, feminina,
que me conduz e fascina.
Hei de te achar, enfim.

Andrade Pinto
Enviado por Andrade Pinto em 26/09/2006
Reeditado em 08/12/2006
Código do texto: T250088
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Andrade Pinto
Salvador - Bahia - Brasil, 64 anos
38 textos (4123 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 02:11)