Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Alma impaciente

Posso até fazer como Carlos e desprezar o passado e o futuro
e me acorrentar nas ladainhas das gentes deste momento
mesmo sabendo que suas obras jamais serão fomento
para a minha alma, ainda que para o corpo renda juro
 
Posso até fingir que considero suas tolices como sabedoria
mas seria tudo em vão e, todos, em breve momento
saberiam que estas coisas jamais seriam fomento
para a minha alma impaciente. E a tudo poria
 
em nudez. Talvez diriam: - ele é de outro contexto!
- ainda que tentemos mostrar-lhe e dar-lhe nossa luz,
ele sempre usará daquele velho pretexto…
 
- que um cego quando conduz outro cego,
só pode levá-lo à escuridão. – Por isso eu pus
na soleira o lampião, e o fogo vos entrego!
Rodiney da Silva
Enviado por Rodiney da Silva em 28/11/2006
Código do texto: T304308

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Rodiney da Silva
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 46 anos
251 textos (11123 leituras)
2 e-livros (67 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 12:31)
Rodiney da Silva

Site do Escritor