Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MEUS DEVANEIOS

Vem dormir comigo, sozinho é tão ruim
À noite a solidão provoca-se mais fria
É tão triste metade da cama vazia
E saber que estás ausente também sem mim.

Vem comigo, por quê te deitas noutro leito?
E traz contigo ao meu quarto o teu encanto
Que nesta minha ansiedade espero tanto
E fico pensando em ti quando me deito.

Insone, medito rolando na cama
Dormir tão só é ruim quando se ama
Vem fazer desta tormenta noite calma.

Sentir teu cheiro enlevando minha alma
Na magia do meu peito nos teus seios
Na vida real, não mais nos devaneios.
ademir silva
Enviado por ademir silva em 30/11/2006
Reeditado em 30/11/2006
Código do texto: T305866

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
ademir silva
Americana - São Paulo - Brasil
20 textos (1099 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 14:47)
ademir silva