Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto





Para o Soneto “Longa “Espera” de Luiz Moraes. 

 
SONETO DA ESPERA ALUCINANTE
 
Seu velejador partiu além mar
Seus dias parecem intermináveis
As lágrimas caem incontroláveis
Tão ansiosa ela está a esperar...
 
E como sonâmbula vai ao cais
Lançar sobre o mar seu lânguido olhar
Não foi marcado quando ele iria chegar
É assaz a espera e sofridos seus ais
 
O vento cortante afia a saudade
O frio dentro d'alma congela a dor
Gélida; soluça a infelicidade...
 
E assim, vê raiar o clarão do dia
Com o sol vislumbrou o vulto do amor
Realidade ou efêmera fantasia?
 
Madalena de Jesus

 
 

 
Madalena de Jesus
Enviado por Madalena de Jesus em 25/07/2014
Reeditado em 18/09/2014
Código do texto: T4896569
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2014. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Madalena de Jesus
Belém - Pará - Brasil, 51 anos
1271 textos (87897 leituras)
3 áudios (204 audições)
3 e-livros (731 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/17 09:32)
Madalena de Jesus

Site do Escritor