Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Dama de gelo

Eu me apaixonei tão de repente
Por teu olhar que é frio como gelo
Em meu descuido, em meu desmazelo
Eu me perdi em um mundo diferente

Tão de repente amei um pesadelo
Em torres de marfim onipotente
Lhe desejando tão profundamente
Desde os lábios as pontas dos cabelos

Eu fico fascinado quando te vejo
Sonhando com teus lábios, com teus beijos
E tu sequer suspeita desse amor

Dama de gelo, em teus ventos gelados...
...tal uma folha eu sou arrastado
E irei contigo aonde você for
Thiago Araujo
Enviado por Thiago Araujo em 12/08/2017
Reeditado em 12/08/2017
Código do texto: T6081847
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Thiago Araujo
Duque de Caxias - Rio de Janeiro - Brasil, 30 anos
347 textos (10297 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/10/17 06:17)
Thiago Araujo